EXPLORAÇÃO

Paraíso teve um “parque de exploração” no fim de semana diz, presidente da Câmara

Por: Nelson de Paula Duarte | Categoria: Política | 25-05-2022 09:39 | 3122
Lisandro Monteiro presidente da Câmara Municipal de Paraíso
Lisandro Monteiro presidente da Câmara Municipal de Paraíso Foto: Reprodução

O presidente da Câmara Municipal de Paraíso, Lisandro Monteiro, propôs seja revisto o critério para a realização da Expar, que neste ano na realidade se resumiu a shows e rodeio. “O que aconteceu o final de semana em Paraíso foi “parque de exploração”, disse.

“Tive barraca no Parque em cinco exposições. Vendia espetinhos, lanches, mas o que ocorreu neste ano foi para acabar. Quero deixar bem claro que empresário veio de outra cidade, alugou o Parque e põe o preço que quer. Só que está na hora de acabar com isso, porque se trata de uma festa popular, e foram cobrados preços absurdos”, disse Lisandro.

Cobraram R$ 100 – o ingresso por pessoa, e dizem que “vai quem quer”. Cobraram caro por bebidas, verdadeira exploração, e isso tem que ser revisto pelo Executivo, Legislativo municipal e o Sindicato e fazer uma festa popular.

Lisandro parabenizou a equipe que promoveu o rodeio (Alexandre, Alex Paschoini, BR Leilões - Bananinha) que conseguiu patrocínios e trouxe uma das melhores boiadas e cowboys do Brasil.

O presidente da Câmara sugeriu que o ingresso seja em forma de gêneros alimentícios para posteriormente serem doados para entidades assistenciais, e que comerciantes de Paraíso utilizem o parque durante a festa. Propôs também a contratação de umas duas atrações de renome, mas também que músicos, duplas e bandas, grupos de pagode de Paraíso participem do evento, e recebam seus cachês. “O dinheiro ficará aqui, não irá embora. Será uma forma das famílias terem condições de ir à festa. O que vimos no final de semana foi uma vergonha”, afirmou.

O vereador Sérgio Aparecido observou que o promotor do evento não cumpriu leis, por exemplo “meia entrada, não observou o horário determinado pela Justiça para a realização do evento, na verdade é lamentável que empresários somente pensaram em lucro, não estão nem um pouco preocupados com a cidade”.