MALHA

Cresce o número de praticantes do jogo de "malha" em Paraíso

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Esporte | 27-07-2022 09:48 | 577
Praticantes da malha da equipe de Paraíso formam equipe e estão otimistas com resultados
Praticantes da malha da equipe de Paraíso formam equipe e estão otimistas com resultados Foto: Divulgação

O jogo de malha ressurgiu em São Sebastião do Paraíso e é considerada uma tradicional atividade de fomento ao lazer, de competitividade e também lugar e momento de fazer amigos. O jogo de malha é um esporte que consiste no lançamento de discos (""malhas"") contra pequenos tocos de madeira (pinos), os quais, postos a certa distância, devem ser derrubados pelos jogadores. Um dos mais recentes espaços utilizados pelos praticantes da cidade fica no Complexo Esportivo San Genaro lugar que reúne vários praticantes da modalidade principalmente nos finais de semana.

A prática da malha vem ganhando cada vez mais um número maior de adéptos na cidade ao ponto de seus praticantes formarem uma equipe e ja começam a sonhar com voos mais altos para o grupo. A intenção é organizar o time para representar Paraíso em competições regionais. O pensamento em ir além e seguir rumos mais longe não está descartada.

Com a revitalização do espaço onde a atividade é praticada os jogadores da malha estão bastante animados. O campo que fica no Complexo San Genaro foi recuperado pelos funcionários públicos do local e tem sido palco para o desenvolvimento do esporte.

No domingo,24, um grupo de jogadores representando São Sebastião do Paraíso esteve em Monte Santo de Minas. O resultado foi animador fator que deixou os integrantes da equipe mais motivados ainda. Com a participação de 35 equipes o time de Paraíso conquistou o vice-campeonato.

O funcionário público, Alexandre Bissoli, popular Estilingue, é um dos jogadores da equipe paraisense que fala com satisfação sobre o crescimento do esporte. "Tudo começou com a ideia de fomentar as opções de lazer e revitalizar o espaço para a população", conta. Apesar da forma despretensiosa com que tudo começou a evolução possibilita projetar atuações mais ambiciosas do time. "Daí nasceu o resgate pela prática da modalidade, ganhando a cada semana mais adeptos até a formação de uma equipe de competição. Estamos cada vez mais atraindo coisas boas para o espaço, além do fator de socialização entre as pessoas", avalia. Estilingue está otimista e confiante. "Vamos crescer bastante" projeta.

Com a organização que está sendo montada e através do trabalho desenvolvido os integrantes da equipe já pensam em participar de novas competições. O otimismo é tanto que o grupo já planeja novas viagens e disputa em outras competições a serem realizadas pela região, e de portas abertas para quem quiser conhecer e também colaborar para o desenvolvimento da prática esportiva até mesmo ofertando algum tipo de patrocínio.

A MALHA
O jogo da malha é um esporte bem peculiar, também conhecido como chinquilho ou jogo do fito. Trata-se de um esporte caracterizado pelo lançamento de discos de metal em direção a um pino com a intenção de derrubá-lo ou deixar a malha o mais próximo possível deste pino. O jogo da malha é uma atividade onde é exercitada a pontaria aparentado com a galocha bigoden, o jogo da relha e a petanca.

A origem desta prática é antiga. Sua prática é relatada desde que começaram a ferrar os cavalos do exército romano. Para ocupar as horas de lazer nos acampamentos, os soldados tiveram a ideia de aproveitar as ferraduras imprestáveis e jogar. No Brasil, o jogo da malha, tanto como o de ferraduras, foi trazido por imigrantes portugueses. Conforme documentos datam da época colonial o período em que se registrava o jogo nos mais diversos cantos do país.  

Esporte é caracterizado pelo lançamento da malha até o pino