DIGITAL

Polícia Civil implanta Plantão Digital nas delegacias de Paraíso e Guaxupé

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Tecnologia | 24-11-2021 16:50 | 479
O plantão digital possibilita a realização de autos de prisão em flagrante por meio de videoconferências
O plantão digital possibilita a realização de autos de prisão em flagrante por meio de videoconferências Foto: Divulgação

Desde a quarta-feira,17, foi inaugurado e já está em funcionamento pela Polícia Civil de Minas Gerais, o Plantão Digital que interliga a Delegacias Regionais de São Sebastião do Paraíso e Guaxupé. A iniciativa visa agilizar os atendimentos nas unidades plantonistas e otimizar a investigação de crimes. A método

-logia permite que seja devolvida uma considerável parcela da força de trabalho de delegados e escrivães do regime de plantão para o regime de expediente, sem prejudicar o atendimento oferecido pelas unidades plantonistas.

O projeto vinha sendo testado em caráter experimental desde janeiro de 2.020, o lançamento oficial estava previsto para agosto daquele ano. No entanto, com as regras de isolamento social impostas pela pandemia, foi necessário antecipar o calendário, mas a implantação do sistema vem ocorrendo de forma gradativa pelo interior. Delegacias ficaram autorizadas a implantar o recebimento do flagrante por vídeoconferência. Para aderir ao projeto, basta que a delegacia disponha de computadores com câmeras, uma plataforma virtual (programas baixados gratuitamente) e conexão de internet.

Para acompanhar os trabalhos de implementação do projeto no âmbito do 18º Departamento de Polícia Civil (DEPPC) em Poços de Caldas, estiveram representando a Chefia da PCMG o superintendente de Investigação e Polícia Judiciária, delegado-geral Márcio Nabak, e o coordenador do Plantão Digital, delegado Thiago Rocha. Também participaram o chefe do 18º DEPPC, delegado-geral Edson Rogério de Morais, e os delegados regionais Tiago Bordini, em São Sebastião do Paraíso, e Fernando Augusto Bettio, em Guaxupé.

As Delegacias de Plantão, por intermédio dos investigadores presentes nas unidades, continuam recebendo fisicamente as ocorrências policiais com as pessoas envolvidas e os materiais arrecadados. De outro lado, estão o delegado e o escrivão, que lavram os procedimentos a partir das respectivas ocorrências por meio de videoconferências.

O Plantão Digital já está em Minas Gerais em outras 45 unidades espalhadas pelo estado e é uma iniciativa da Polícia Civil classificado pelo governo estadual como prioritário. O coordenador do projeto, delegado Thiago Rocha, explica que o funcionamento do sistema agiliza na apuração das ocorrências. “Por meio de videoconferência, delegado e escrivão, à distância, adotam todas as medidas legais pertinentes às ocorrências policiais com pessoa capturada em razão de flagrante delito ou por estar foragida da Justiça”, comenta.

Segundo Rocha, esta metodologia permite que a Polícia Civil devolver uma considerável parcela da força de trabalho de delegados e escrivães do regime de plantão para o regime de expediente. “Este redirecionamento permite que se cumpra com maior êxito sua missão, que é realizar a investigação criminal de forma eficiente e eficaz impactando na redução da criminalidade”, destaca. Outro apontamento é que estas ações não causam prejuízos ao atendimento normal que é oferecido pelas unidades plantonistas.

Ainda, de acordo com a PCMG, o objetivo é aprimorar os processos atuais, com reflexos na prestação de serviço. Otimizando força de trabalho disponível, serão criadas as condições de fortalecer mais a atividade de investigação. Com os plantões sendo executados de forma digital, com o delegado em uma central, a expectativa é de que ocorra menos fila e maior dinamicidade no atendimento das ocorrências.

A PCMG planeja expandir, progressivamente, o Plantão Digital para integrar todo o estado. Atualmente, já existe ao menos uma unidade do Plantão Digital em 13 dos 19 Departamentos Territoriais de Polícia Civil. O projeto é um dos prioritários e é acompanhado, mensalmente, pelo Governador Romeu Zema. “A antecipação do lançamento do Plantão Digital representa uma resposta rápida da Polícia Civil em trazer soluções eficientes para que o trabalho de investigação continue fluindo, mesmo com a pandemia. Estamos acompanhando o desenvolvimento desde o ano passado e apoiamos a implantação de forma antecipada. O nosso maior objetivo é garantir a segurança de todos em todos os aspectos”, comentou o governador.