COLISÁO

Duas pessoas têm traumatismo craniano em colisão contra poste na Zezé Amaral

Por: Roberto Nogueira | Categoria: Acidente | 23-05-2022 14:22 | 1219
Veículo e poste ficaram parcialmente destruídos com a colisão contra o poste na Avenida Zezé Amaral
Veículo e poste ficaram parcialmente destruídos com a colisão contra o poste na Avenida Zezé Amaral Foto: Divulgação / Corpo de Bombeiros

Quatro pessoas ficaram feridas, sendo que duas delas sofreram traumatismo craniano após a colisão de um Ford Fiesta contra um poste na manhã de domingo (21), em São Sebastião do Paraíso. O caso foi registrado por volta das 6h30 na Avenida Zezé Amaral, próxima a base do Samu. A ocorrência contou ainda com o apoio do Corpo de Bombeiros que ajudou no socorro e atendimento as vítimas.

Segundo informações o veículo estava com quatro ocupantes. De acordo com informações, acredita-se que o condutor tenha dormido ao volante, pelo fato de haver ausência de sinais de frenagem na faixa de rolamento. Para o atendimento as vítimas foram mobilizadas viaturas de resgate e de salvamento dos Bombeiros e uma Unidade de Suporte Básico, do Samu.

Os quatro ocupantes foram encontrados dentro do Fiesta e todos precisaram de atendimento. O condutor, um homem de 20 anos apresentava ferimento com sangramento discreto na boca. Ele estava consciente, orientado e seu quadro foi considerado leve. Ainda no banco dianteiro estava uma mulher de 23 anos, que foi constatado, não usava cinto de segurança. Ela bateu com cabeça no parabrisa, o que provocou um traumatismo craniano leve.

Na parte de trás do carro estava um passageiro, de 21 anos. Ele não apresentava ferimentos aparentes. Ainda assim, foi imobilizado conforme protocolo de trauma devido a cinemática do acidente. Ao lado dele estava outro jovem, também de 21 anos, que sofreu um ferimento lacero contuso na cabeça, o que provocou hemorragia.

Todos os feridos foram conduzidos para a emergência da Santa Casa de Paraíso pelos Bombeiros e SAMU. Com o impacto o poste rachou e sua estabilidade precisará ser atestada pela CEMIG.