ATROPELAMENTO IDOSA

Motociclista que atropelou idosa é identificado e presta informações a PC

Por: Nelson Duarte | Categoria: Acidente | 24-08-2023 13:15 | 4615
Foto: Reprodução

O motociclista que atropelou uma idosa que passava em faixa para pedestre na Avenida Zezé Amaral, sexta-feira (18), foi identificado pela Polícia Civil. Intimado, ele compareceu à 4.ª Delegacia Regional de Polícia onde foi ouvido pelo delegado Marcos Moreno, responsável pelo inquérito para apuração do caso.

A partir de imagens de câmeras analisadas, investigadores identificaram e localizaram o motociclista que dirigia uma Honda Bis. Conforme apurado, ele não é habilitado. A idosa já havia praticamente atravessado a faixa quando foi atropelada. Socorrida pelo SAMU, ela continua internada na Santa Casa de Misericórdia de São Sebastião do Paraíso.

Pela imagem, conforme o delegado Marcos Moreno “parece que ele teria desferido um chute na senhora, quando ela atravessa a faixa de pedestre, e não teria prestado socorro”. Ao prestar esclarecimentos o condutor alegou que “naquele momento ele estava distraído e não avistou a vítima, e que não houve um chute, e que ao avistar a senhora ele freou imediatamente, mas como estava muito em cima, conseguiu apenas desviar a motocicleta, e seu ombro acabou a acertando e ela caiu, e nesse momento de desequilíbrio é que ele aparece levantando a perna”.

Outra alegação é que “teria se evadido do local por temer represálias de populares, pela gravidade do fato, e também por ser inabilitado”.

Conforme Marcos Moreno, a princípio trata-se de crime de lesão corporal culposo (sem intenção), que depende de representação da vítima, em relação à lesão corporal. O delegado pontua existir o “agravamento pelo fato da vítima estar na faixa de pedestre, e ausência da prestação de socorro. A evasão do local, para fugir da responsabilidade fica um crime “autonomamente”, assim como a falta de CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O delegado regional Tiago Bordini disse que “a versão do motociclista é até condizente com outras imagens localizadas pela Polícia Civil. Ele parou a moto em frente um estabelecimento de hortifruti, voltou a pé, viu a senhora sendo socorrida, foi ao SAMU e pediu socorro, e foi para seu local de trabalho”. As imagens estão sendo analisadas, explica o delegado.