TAÇA PARAÍSO

Emoção e rivalidade marcarão as semifinais da Taça Paraíso

Itamarati e Termópolis abrem disputa dominical, seguidos por Juventude e Mocoquinha em busca do título mais cobiçado do futebol amador da região
Por: Ralph Diniz | Categoria: Esporte | 07-12-2023 15:19 | 910
Foto: Reprodução

A Taça Paraíso, um dos torneios de futebol amador mais prestigiado da região, se aproxima de seu clímax com as semifinais programadas para os próximos dias. Itamarati, Termópolis, Juventude e Mocoquinha decidem quem serão os finalistas. Os jogos prometem emoção, considerando as trajetórias das equipes e os desafios que enfrentaram para chegar entre os quatro melhores.

No domingo, 10, às 15h, o Estádio Comendador João Alves (Paraisense) se tornará o palco de um confronto acirrado entre Itamarati Futebol Clube e Termópolis F.C. Ambas as equipes têm demonstrado uma performance notável, superando adversários considerados favoritos ao título nas quartas de final com placares idênticos de 2 a 1. O Termópolis F.C., especialmente, chamou a atenção por sua partida anterior marcada por um número surpreendente de expulsões, fato que resultará na ausência de dois jogadores para o embate deste final de semana.

Já na quinta-feira, 14, às 20h, no Estádio 1º de Maio (Operário), a segunda semifinal será entre Juventude Esporte Clube e Mocoquinha Futebol Clube, dois times que também demonstraram grande resiliência e competência na fase anterior. O Mocoquinha avançou ao superar seu rival, o Operário, por 5 a 4 nos pênaltis, depois de um empate sem gols no tempo normal. Por outro lado, o Juventude, após um jogo turbulento que chegou a ser suspenso devido a uma agressão ao árbitro, conseguiu eliminar o Santa Cruz, vencendo por 3 a 1 nos pênaltis, seguindo um empate em 2 a 2.

Os vencedores desses confrontos decisivos terão a honra de disputar a grande final no domingo, 17 de dezembro, onde o campeão da Série A da Taça Paraíso será coroado. A entrada para os dois jogos é gratuita e a organização do torneio espera arquibancadas lotadas. Neste ano, o troféu da Série A da Taça Paraíso leva o nome “Ryan Vinícius Silva Coelho”, atleta promissor de São Sebastião do Paraíso, que teve a vida interrompida em 2022, depois de sofrer um mal súbito durante uma partida da Taça Paraíso de futsal. O jovem tinha 19 anos e era o destaque das equipes de campo e salão do Itamarati.