SEQUESTRO

Procurado por sequestro é preso na MG-050 em Itaú

Sob efeito de drogas, homem tentou fugir durante a abordagem e agrediu policiais com socos e pontapés
Por: Ralph Diniz | Categoria: Polícia | 01-04-2024 14:28 | 1923
Homem de 40 anos vive em Altinópolis e faz parte de uma quadrilha que atua no interior de São Paulo
Homem de 40 anos vive em Altinópolis e faz parte de uma quadrilha que atua no interior de São Paulo Foto: Divulgação

Na manhã de domingo, 31, durante operação de fiscalização de trânsito do feriado prolongado da Semana Santa, a Polícia Militar Rodoviária prendeu um homem procurado pelos crimes de sequestro, extorsão e roubo. Ele chegou a agredir os policiais com socos e pontapés ao ser abordado.

Os policiais realizavam a fiscalização em trechos da rodovia MG-050 entre São Sebastião do Paraíso e Itaú de Minas quando, por volta das 9h50, avistaram um Fiat Palio transitando na via sentido a Passos. Nesse momento, eles ordenaram a parada do veículo.

Durante a abordagem de rotina, os militares solicitaram os documentos de porte obrigatório ao condutor, contudo, ele declarou que não possuía nada do que lhe foi pedido. Ao descer do veículo, o homem tentou empreender fuga, sendo alcançado pouco depois. No momento em que estava sendo preso, ele desferiu socos e pontapés nos policiais, que acabaram o dominando e o algemando.

 O autor forneceu dados de outra pessoa aos militares e, depois de várias consultas no sistema, a Polícia Rodoviária obteve sucesso em localizar as informações do homem, de 40 anos, que faz parte de uma quadrilha que atua no interior de São Paulo, principalmente nos municípios de Franca e Altinópolis. Contra ele, contava em desfavor um mandado de prisão por sequestro, extorsão e roubo.

Ao verificar as informações do veículo, a polícia percebeu que o Fiat apresentava vários sinais de identificação alterados tais como: chassi, targetas, numeração dos vidros e numeração do motor. Diante das adulterações, os agentes verificaram que o veículo registrado com o número da placa do carro era de Guarulhos (SP). Eles, então, entraram em contato com o proprietário do automóvel, que confirmou que o carro estava em sua garagem. Chegou-se, assim, à conclusão de que o Palio abordado na MG-050 era clonado.

Na sequência, em buscas no interior do veículo, os militares encontraram seis pinos de cocaína. Inclusive, o próprio autor dirigia sob efeito da droga e confessou tê-la consumido. Diante dos fatos, o homem foi preso em flagrante e conduzido à Delegacia de Polícia Civil. Lá, a Justiça do estado de São Paulo foi acionada. O carro clonado e a cocaína foram apreendidos.