FURTOS IPHONE

Quadrilha especializada em furtos de Iphone é presa em Paraíso

Prisão ocorreu durante operação “Mar de Minas III” na véspera da Sexta-Feira Santa, na MG-050
Por: Ralph Diniz | Categoria: Polícia | 03-04-2024 09:29 | 1200
Aparelhos celulares foram furtados em lojas do interior de São Paulo. Vítimas não percebiam o crime
Aparelhos celulares foram furtados em lojas do interior de São Paulo. Vítimas não percebiam o crime Foto: Divulgação

Na noite de quinta-feira, 28 de março, dois homens e uma mulher foram presos pela Polícia Militar Rodoviária em São Sebastião do Paraíso durante a operação “Mar de Minas III”, realizada na rodovia MG-050. O trio foi flagrado em um carro com drogas e celulares furtados em São Paulo.

Por volta das 22h, os policiais realizavam abordagem de veículos em frente ao posto da Polícia Rodoviária quando se depararam com o veículo Renault Kwid branco. Foi dada ordem de parada ao condutor. Nesse momento, os ocupantes demonstraram nervosismo e passaram a mexer em mochilas que estavam dentro do carro, o que gerou suspeição dos militares.

Diante do fato, a PM consultou seu sistema informatizado e verificou que todos os abordados possuíam passagem pela polícia por furto, receptação e outros crimes. Assim, foi realizada a busca no interior do veículo, sendo encontrados 12 aparelhos celulares Iphone. Em diálogo individualizado, cada um dos suspeitos, apresentou uma versão à polícia.

A mulher de 18 anos alegou que os envolvidos são de Belo Horizonte e que ela e os dois comparsas se organizaram e se reuniram a fim de cometer crimes de furtos de celulares em lojas de departamentos.

A suspeita ainda contou que o trio vai até as lojas com celulares usados, seminovos e sem defeitos aparentes, mas que estão bloqueados ou queimados, e pedem para ver um celular idêntico na prateleira da loja. Nesse momento, os outros dois membros do grupo distraem o vendedor enquanto o terceiro realiza a troca sem que ele perceba, levando consigo o aparelho novo e deixando o usado no lugar. As vítimas demoram a perceber o furto, uma vez que os celulares novos geralmente ficam desligados nos estabelecimentos.

Os dois autores, de 34 e 38 anos, também confessaram os furtos, contudo, não se lembravam exatamente os locais onde cada aparelho foi tomado. Lembram-se, apenas, de que agiram nas cidades de Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Mirassol e São Carlos. A autora ainda relatou à polícia que era ela quem entrava nas lojas para chamar a atenção do vendedor enquanto um dos comparsas fazia a troca do aparelho.

A polícia entrou em contato com o dono de uma loja furtada em São José do Rio Preto e a vítima alegou que só percebeu que havia caído no golpe da quadrilha após a ligação dos militares. Ainda no interior do veículo foi localizada uma pequena quantidade de maconha.

Os três indivíduos foram presos em flagrante delito e conduzidos à 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de São Sebastião do Paraíso, onde as medidas cabíveis foram tomadas, juntamente com a droga e os celulares furtados. Depois, o trio seguiu para o presídio. O veículo usado pela quadrilha foi levado para um pátio credenciado pelo Detran no município.