RISCO DE ACIDENTE

Cerca foi arrebentada e pedestres correm risco de acidente passando sobre a pista

Por: Sebastião Tadeu Ribeiro | Categoria: Transporte | 16-09-2023 07:36 | 2164
Correndo sério risco de atropelamento, o JS constatou que realmente tem pedestres que não utilizam a Passarela Padre Geraldo
Correndo sério risco de atropelamento, o JS constatou que realmente tem pedestres que não utilizam a Passarela Padre Geraldo Foto: Tadeuzinho

Conscientes e preocupados, pessoas que moram na Vila João XXlll, Vila São Pedro, São Francisco e adjacências, procuraram o Jornal do Sudoeste para fazer procedente denúncia. Parte destes três bairros acima mencionados fica as margens da MGC 491, onde a rodovia é pista dupla, com fluxo e tráfico de veículos enorme, por este motivo foi construído no cruzamento da Rua Claudio Herculano Duarte, com a Rodovia MGC 491, a “Passarela Padre Geraldo”.

Esta necessária passarela foi construída para passagem exclusiva para pedestres com a função de evitar que atravessem sobre a rodovia e sejam atropelados, o qual já aconteceu e foi fatal. Então a justa preocupação dos denunciantes é porque vários transeuntes em vez de fazer a travessia pela passarela, arrebentaram a cerca de alambrado que foi construída, e perigosamente transitam por dentro da pista. 

Bem debaixo da passarela tem duas enormes e visíveis placas onde está escrito “Pedestres Utilizem a Passarela”, mas infelizmente vários ignoram o alerta. 

Eu acho que não existe, mas teria que construir na extensão onde se encontra a cerca de alambrado, um muro de concreto, sugere um dos reclamantes à Nascentes das Gerais, empresa esta que tem a concessão da manutenção e melhorias da pista da Rodovia MGC 491, que passa dentro do perímetro urbano de São Sebastião do Paraíso.