APOIO FINANCEIRO

Municípios oficializam apoio financeiro para o Gedor Silveira

Ação conjunta de 67 municípios em evento do Ministério Público de Minas Gerais busca solucionar crise financeira do hospital psiquiátrico
Por: Ralph Diniz | Categoria: Saúde | 22-11-2023 09:56 | 1345
Prefeito de Paraíso, presidente do conselho da Fundação Gedor Silveira e representantes do MPMG participaram do evento na capital mineira
Prefeito de Paraíso, presidente do conselho da Fundação Gedor Silveira e representantes do MPMG participaram do evento na capital mineira Foto: Reprodução

Durante um evento organizado pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) terça-feira (21/11) em Belo Horizonte, do qual participou o governador Romeu Zema, foi formalizado um termo de acordo entre 67 municípios da macrorregião e a Fundação Gedor Silveira, gestora do hospital psiquiátrico localizado em São Sebastião do Paraíso. O hospital enfrenta uma grave crise financeira e busca meios para sua recuperação.

O prefeito de São Sebastião do Paraíso, Marcelo Morais, representou os líderes executivos dos municípios parceiros neste ato de assinatura. Segundo o prefeito, inicialmente 64 municípios já aderiram ao acordo, e há 20 municípios ainda avaliando a possibilidade de integrar o grupo. “Este evento visou oficializar a ajuda, estabelecendo um instrumento jurídico que permite aos municípios contribuírem legalmente para a causa", explica. Cada um dos municípios participantes se comprometeu a colaborar com R$ 2,5 mil mensais durante um ano, totalizando R$ 30 mil por prefeitura, para auxiliar no resgate financeiro do hospital.

Além do prefeito Morais, o evento contou com a presença de Fernando Montans Alvarenga, presidente do Conselho Diretor e Curador da fundação, a promotora de Justiça Manuella de Oliveira Nunes Maranhão Ayres Ferreira, responsável pela 5ª Vara do MPMG da comarca, e Jarbas Soares Junior, procurador-geral de Justiça do Estado.

De acordo com Marcelo Morais, este acordo representa o "primeiro ato para tentar salvar o hospital até que o Estado possa intervir e reconfigurar a gestão do mesmo". Ele enfatizou que o objetivo é manter pelo menos 30% a 40% dos leitos de psiquiatria, enquanto o restante será integrado à gestão da Santa Casa de Paraíso. "É um processo que iniciamos agora, com a expectativa de concluir esta reconfiguração nos próximos seis meses, permitindo a continuidade da recuperação do hospital”.

Ainda conforme o prefeito, a assinatura do termo marca um passo significativo no esforço de recuperação do hospital psiquiátrico, proporcionando uma estrutura jurídica e financeira para sua sustentabilidade a longo prazo.

No final de julho, a Fundação Gedor Silveira comunicou a Prefeitura de São Sebastião do Paraíso e a Superintendência Regional de Saúde (SRS) sobre o alarmante estado financeiro da instituição, alertando para o risco de fechamento do hospital em até 30 dias devido a um déficit mensal de R$ 300 mil. Fernando Montans Alvarenga, presidente do Conselho Diretor e Curador da fundação, em entrevista ao Jornal do Sudoeste à época, esclareceu a gravidade da situação.

Os principais desafios financeiros incluem a falta de significativos incentivos governamentais e os valores defasados das diárias pagas pelo SUS, que cobrem apenas uma parte do custo real por paciente. “A instituição vem sendo sufocada pelos seus gastos”, afirmou Alvarenga. Em agosto, a Câmara Municipal de São Sebastião do Paraíso promoveu audiência pública com autoridades políticas da região, visando encontrar soluções para a crise financeira do hospital Gedor Silveira.

O Gedor Silveira é um dos maiores hospitais psiquiátricos de Minas Gerais e que atende pacientes do Sul e Sudoeste do Estado. Especializado em saúde mental e dependência química, a instituição é referência para 158 cidades. Ao todo, são 160 leitos destinados a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), além de 23 leitos particulares.

Municípios que assinaram o termo e que vão ajudar a Instituição:
Aiuroca, Albertina, Alfenas, Alpinópolis, Alterosa, Arceburgo, Areado, Baependi, Bom Jesus da Penha, Borda da Mata, Botelhos, Cabo Verde, Cambuquira, Campanha, Campestre, Campo do Meio, Campos Gerais, Capetinga, Carmo de Minas, Carmo do Rio Claro, Cássia, Claraval, Conceição da Aparecida, Conceição do Rio Verde, Delfinópolis, Dom Viçoso, Fortaleza de Minas, Guapé, Guaranésia, Guaxupé, Ibiraci, Inconfidentes, Ingaí, Ipuiuna, Itajubá, Itamogi, Itaú de Minas, Jacuí, Jesuânia, Lambari, Lavras, Machado, Monte Santo de Minas, Monte Sião, Muzambinho, Nepomuceno, Nova Resende, Olímpio Noronha, Ouro Fino, Paraguaçu, Paraisópolis, Passos, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Pouso Alto, Pratápolis, São João Batista do Glória, São José da Barra, São Lourenço, São Pedro da União, São Roque de Minas, São Sebastião do Paraíso, São Tomás de Aquino, Senador José Bento, Serrania, Soledade de Minas e  Vargem Bonita.

Representando mais de 60 prefeitos da região, Marcelo Morais assina termo de compromisso com o Hospital Gedor Silveira
Encontro reuniu 66 prefeitos da região
Prefeito de São Sebastião do Paraíso Marcelo Morais
Provedor do Hospital Gedor Silviera, Fernando Alvarenga
Titular da 5a Promotoria de Justiça do Ministério Público da comarca de SSP  Manuella de Oliveira Nunes Maranhão Ayres Ferreira