SICREDI

Associados da Sicredi das Culturas RS/MG recebem mais de R$ 4 milhões em rendimentos ao capital social

Por: . | Categoria: Brasil | 20-12-2023 00:07 | 73
Presidente da Sicredi das Culturas, Elmo Pedro von Mühlen
Presidente da Sicredi das Culturas, Elmo Pedro von Mühlen Foto: Reprodução

Nesta sexta-feira, 15 de dezembro, os mais de 75 mil associados da Sicredi das Culturas RS/MG receberam a remuneração referente aos juros do capital social, que neste ano somou mais de R$ 4 milhões. Os juros ao capital são parte dos rendimentos que os associados recebem, já que ao se associar à cooperativa passam a ser donos dela, integralizando uma cota-parte do capital social. Este valor investido no capital social da cooperativa é direcionado para uma conta exclusiva, chamada conta capital que, anualmente, rende juros. Diferente das instituições financeiras convencionais, em que os valores são investidos por um número limitado de acionistas, no Sicredi todos os associados possuem capital social.

“O capital social é um tipo de investimento que pode trazer muitas vantagens para o associado, para a cooperativa e para a sociedade, como participação nos resultados da cooperativa, a possibilidade de receber os resultados de acordo com a sua participação na cooperativa e com o desempenho financeiro da instituição, além da construção de um futuro financeiro melhor, porque investir no capital social da cooperativa é, também, um modo de construir um futuro financeiro mais seguro, pois o valor investido retornará ao associado gerando renda e benefícios a longo prazo”, afirma o presidente da Sicredi das Culturas RS/MG, Elmo Pedro von Mühlen.

Os associados que desejam verificar o extrato da distribuição dos juros ao capital, podem acessá-lo por meio de canais de atendimento, como o Aplicativo Sicredi e Internet Banking ou entrar em contato com seus gerentes, nas agências da Sicredi das Culturas RS/MG ou via WhatsApp 51 3358 4770.

Com essa entrega, a Sicredi das Culturas RS/MG iniciou a distribuição de resultados referente ao exercício do ano de 2023. A remuneração que acontece ao capital social do associado está de acordo com o Planejamento Estratégico da Cooperativa, deliberada via Conselho de Administração e alinhada com o desejo do associado por meio das Assembleias de Núcleo e Assembleia Geral. Fabiana do Prado Sánchez